segunda-feira, 29 de agosto de 2011

REGIMENTO INTERNO


==================================


REGIMENTO INTERNO

CAPÍTULO I
Da Instituição, das finalidades e do objetivo
Art. 1º - A Fraternidade Universal de Jesus, abreviadamente denominada FUJ, sediada e domiciliada na cidade de Manaus, Estado do Amazonas, é uma Instituição Espiritualista Beneficente e Cultural, sem fins lucrativos, trazida ao plano material no dia 1º de abril de 1989, através do Centro de Estudo Espiritualista do Irmão Ori, tem como finalidades:
a)    Formar um Núcleo de Fraternidade universal no amor, sem distinção de faixa etária, raça, credo, sexo, posição social ou cor;
b)    Estimular o estudo das Religiões, Filosofias e Ciências do Conhecimento;
c)    Propagar a verdade de que todas as pessoas são almas encarnadas em busca de mais luz e progresso espiritual na Terra, onde cada ser humano deve corrigir possíveis faltas e/ou desvios morais, bem como aprimorar seus acertos no caminho do bem;
d)    Orientar espiritualmente com precisão, no sentido de asseverar a existência de Universos paralelos ao nosso, conhecidos como mundos espirituais (dimensões, planos vibratórios ou universos extrafísicos);
e)    Depreender o que de bom existir em matéria de religião, procurando adquirir mais conhecimentos sobre os seres humanos, a fim de que possa colaborar no sentido de proporcionar-lhes maior felicidade;
f)     Colaborar com as religiões na espiritualização de todos, para cumprir a alínea anterior prontificando-se a remeter prospecto da Irmandade às pessoas interessadas e o conteúdo destes através de todas as formas possíveis de mídias;
g)    Incentivar e orientar a criação de palestras, seminários, conferências e cursos para os ensinos espiritualistas a todas as faixas etárias observando, sempre, os princípios ditados pelos espíritos mentores da FUJ;
h)   Incentivar e orientar a instituição de serviços filantrópicos de amparo e reajustamento de necessitados em geral, sem prejuízo das atividades prioritárias, ou seja, as de caráter doutrinário;
i)     Divulgar a Doutrina dos Espíritos mentores da FUJ por todos os meios de comunicação, reais e virtuais, se possível mantendo:    
-          Bibliotecas de livros e periódicos espiritualistas para uso de seus adeptos;
-          Programas radiofônicos ou televisivos;
-          Publicação de Coluna Espiritualista em periódicos de grande circulação;
-          Distribuição gratuita de volantes, mensagens, jornais, cartões, marcadores de livros etc.;
-          Jornal noticioso e doutrinário “O Espiritualista”, que será o órgão oficial da Fraternidade Universal de Jesus, para circulação interna e externa;
-          Produção de material áudio-visual espiritualista;
-          Publicação regular de livros e revistas;
-          Presença em sites, blogs e redes sociais;
-          Outros.
j)      Realizar atividades de assistência espiritual e social;
k)    Desenvolver as faculdades, mediunicamente, de seus adeptos e todos aqueles que demonstrarem interesse, à luz da Doutrina dos Espíritos Mentores da FUJ.
Art. 2º - O presente Regimento Interno foi elaborado e aprovado pela Diretoria, em conformidade com as prescrições contidas no art. 21, III do Estatuto.
Art. 3º - Este Regimento Interno visa estabelecer regras, esclarecer e facilitar, por meio de disposições adequadas, a fiel execução dos objetivos e finalidades da FUJ, incluindo as atribuições dos departamentos auxiliares, obedecidos os preceitos estatutários.

CAPÍTULO II
Da Assembléia Geral
Art. 5º - As normas referentes à Assembléia Geral, ordinária e extraordinária, previstas nos art. 17, §§ 1º e 2º do Estatuto são as seguintes:
§1º A mesa dos trabalhos da Assembléia Geral é composta do Presidente e do Secretário Geral da FUJ, ou, na ausência deste, de 1 (um) secretário "ad hoc", escolhido pelo Presidente. O funcionamento da Assembléia deve processar-se da seguinte maneira:
    1. O Presidente solicita ao Secretário Geral para proceder à leitura do Edital de Convocação;
    2. Após prestar os esclarecimentos julgados convenientes, o Presidente coloca em discussão os assuntos constantes da Ordem do Dia;
    3. Os associados que desejarem falar sobre os aludidos assuntos deverão fazer sua inscrição, através de pedido ao Secretário Geral;
    4. Cada orador inscrito tem o prazo de até 5 (cinco) minutos para expor seu ponto de vista, podendo conceder apartes, que não serão descontados de seu tempo, não podendo nenhum inscrito ceder seu tempo a outra pessoa;
    5. O Presidente não permitirá "discussões paralelas";
    6. As "questões de ordem" podem ser levantadas a qualquer momento pelos sócios e encaminhadas diretamente ao Presidente, que as aceitará ou rejeitará, se não forem, a seu critério, julgadas "de ordem"; e
    7. As "questões de ordem" só podem ser erguidas quando houver necessidades de maiores esclarecimentos relativos ao desenvolvimento dos trabalhos ou quando os textos estatutários ou regimentais estiverem sendo feridos.
§2º      Quando se tratar da prestação de contas da Diretoria, conforme art. 18, III do Estatuto, o Presidente solicita à Assembléia a indicação de um associado para presidi-la, a quem passa a presidência.

CAPÍTULO III
Dos Departamentos Auxiliares
Art. 6º Os Departamentos Auxiliares da FUJ são os:
  1. Departamento de Divulgação;
  2. Departamento Pedagógico e Bibliotecário;
  3. Departamento de Nutrição;
  4. Departamento de Serviços; e
  5. Departamento de Serviço Assistencial.

CAPÍTULO IV
Dos Departamentos Auxiliares
Seção I - Das generalidades
Art. 7º - Os Departamentos Auxiliares serão compostos por associados, indicados pela Diretoria, que coordenarão as atividades podendo, se necessário, formar equipes contendo outros associados e/ou colaboradores para ajudar no desenvolvimento das atividades;
§1º      A coordenação é de livre nomeação e exoneração, por decisão da Diretoria, sendo facultada a nova coordenação manter a equipe existente;
§2º     A implementação de projetos, melhorias, ações administrativas diversas das orientações prestadas pela Diretoria somente poderão ser efetivadas com autorização do Presidente ou Secretário Geral;
§3º      Todos os cargos e/ou atribuições existentes neste Regimento Interno não são remunerados, visto não haver vínculo empregatício, nem serão distribuídos lucros ou quaisquer recursos da mesma natureza, por não possuir a FUJ finalidade lucrativa.
§4º      A Diretoria da FUJ pode criar tantos departamentos quantos necessários, podendo extingui-los quando julgar conveniente.

Seção II - Das competências
Do Departamento de Divulgação;
Art. 8º - Compete ao Departamento de Divulgação tornar conhecida a Doutrina dos Espíritos mentores da FUJ por todos os meios de comunicação, reais e virtuais, mantendo-os atualizados.
Departamento Pedagógico/Bibliotecário;
Art. 9º - Compete ao Departamento Pedagógico/Bibliotecário administrar o acervo bibliográfico da FUJ, disponibilizando livros, revistas, mídias etc., com os ensinamentos espiritualistas, controlando a entrega e devolução dos mesmos, bem como gerenciar as atividades pedagógicas de ensino e pesquisa espiritualista.
Departamento de Nutrição
Art. 10 – Compete ao Departamento de Nutrição a coordenação alimentar em eventos que tenham a necessidade do preparo de refeições, lanches e similares, bem como o controle de doações de alimentos, acondicionamento e fornecimento.
Departamento de Serviço Assistencial
Art. 11 – Compete ao Departamento de Serviço Assistencial desenvolver ações que promovam o bem estar dos mais necessitados, seja espiritualmente ou materialmente, contemplando medidas que fortaleçam os laços fraternos entre todos, através de orientação, visitas, doações, enfim, de meios capazes de elevar a condição moral de todos.

Departamento de Serviços
Art. 12 – Compete ao Departamento de Serviços manter os bem materiais da FUJ em perfeito estado de conservação, cuidando da manutenção preventiva e corretiva, bem como da segurança patrimonial das instalações físicas e da segurança geral do ambiente, com o objetivo de  evitar riscos de acidentes.

CAPÍTULO V
Dos dependentes de associados e colaboradores
Art. 13 – Aos dependentes, menores ou incapazes, dos associados e colaboradores são extensivos os mesmos direitos e obrigações inerentes a cada categoria, conforme dispõe o Estatuto, o Regimento Interno e o Código de Ética da FUJ.
CAPÍTULO VI
Da utilização da imagem
Art. 14 – Poderão ser veiculadas imagens de reuniões, encontros, congressos e demais atividades da FUJ, em meios de comunicação, reais e virtuais, tais como jornais, revistas sites, blogs etc., não sendo necessária prévia autorização dos associados, colaboradores ou demais participantes.
Parágrafo único.     Aqueles que não desejarem ter imagens, próprias e/ou de dependentes, divulgadas em meios de comunicação pela FUJ deverão se manifestar por escrito, de próprio punho, junto à Secretaria Geral demonstrando sua vontade de não exposição.
CAPÍTULO VII
Disposições Gerais
Art. 15 – Os casos omissos no presente Regimento Interno serão resolvidos pela Diretoria.
Art. 16 – O Regimento Interno, após entrar em vigor, pode, a qualquer tempo, ser reformado pela Diretoria.
Art. 17 – Este Regimento Interno foi aprovado na reunião da Diretoria realizada em 03 de julho de 2011,  entrando em vigor nesta data, revogadas as disposições em contrário.


FRATERNIDADE UNIVERSAL DE JESUS - FUJ

Carlos Adonai de Souza Vásquez                                      Isabel Cristina Palma dos Santos
                Presidente                                                                                  Secretária Geral


João Bosco Alagoas de Matos                              Marcilene  de Oliveira Mesquita de Matos
        1º Tesoureiro                                                                        2º Tesoureiro




===================================

NOSSO PRIMEIRO PROJETO








Estamos estudando a melhor forma de construirmos o nosso primeiro espaço próprio, de forma inteligente para que possamos utilizar melhor todos os espaços.

Contamos com a sua colaboração!


sábado, 27 de agosto de 2011

ANIVERSARIANTES DE SETEMBRO


Setembro já está chegando e vamos fazer novamente uma nova conFRATERNIDADE!

No primeiro domingo, dia 4,  faremos a comemoração de todos 
os aniversariantes de setembro. Estamos programando uma belíssima e apetitosa feijoada. 
Você está convidado e  deve confirmar sua presença!
Entre em contato pelo nosso endereço de e-mail:

fuj@hotmail.com.br

Lista do aniversariantes de SETEMBRO:


05 - Cristina Palma
                                                                05 - Mª Elina Siqueira
11 - Maria Rosai D. de Oliveira
13 - João Alberto da Costa Vieira
15 - Wallace Pantoja Tapajós
20 - Marcos Oliveira de Souza
21 - Cyaillen Carvalho Espíndola
23 - Gabriela Simão Epifânio
26 - Valeria Barros Bezerra
28 - Adalberto Fonseca de Souza
29 - Sheldon M. de Carvalho

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

sábado, 20 de agosto de 2011

VERDADE OU MENTIRA?


Semana passada várias caixas de e-mails de nossos fraternos ficaram abarrotadas de SPAM (prós e contras), muitos do tipo corrente (passe para todos os seus amigos). Aqui na redação, somos contra SPAM (abreviatura em inglês de "spiced ham" - presunto condimentado - mais conhecido como mensagem eletrônica não-solicitada enviada em massa). Contudo, uma delas nos chamou a atenção:


                  O Ministério Público Federal de São Paulo ajuizou ação pedindo
                  a retirada dos símbolos religiosas das repartições públicas.
 
Vamos entender um pouco essa polêmica.
O artigo 5º, da CF/88, consagra serem todos iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza. Deve-se, contudo, buscar não somente essa aparente igualdade formal, mas, principalmente, a igualdade material, uma vez que a lei deverá tratar igualmente os iguais e desigualmente os desiguais, na medida de suas desigualdades.

Assim, partindo da premissa citada, chega-se a conclusão que, se todos tem direito de ter a sua própria crença, não subsiste razão de dentro das Repartições Públicas alguém impor ao outro o seu símbolo religioso como se o símbolo daquele fosse mais importante do que dos demais, privando estes de também exporem as suas convicções. Da mesma forma, assim dispõe a CF/88: “Art. 5º (...): VIII – ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa (...)”.

Esclarecemos, de pronto, que a FUJ, Fraternidade Universal de Jesus, não é uma religião. Formamos uma Comunidade Espiritualista e, em nossa comunidade, todos os adeptos (fiéis, crentes, devotos etc.) de quaisquer religiões e/ou seitas religiosas são bem-vindos. Por princípio e convicção somos cristãos, embora sem religião. Nosso orientador nos lembra sempre que é mais importante a pessoa ser religiosa do que ter uma religião e que nem sempre quem tem uma religião é VERDADEIRAMENTE uma pessoa religiosa.

Sobre o assunto, leia a matéria publicado no site oficial CANÇÃO NOVA:
                Quinta-feira, 20 de agosto de 2009, 13h36

            Procuradoria mantém símbolos religiosos em repartições públicas

            Da Redação

           Crucifixos e símbolos religiosos serão mantidos nas repartições públicas federais
           do estado de São Paulo. A defesa à permanência dos símbolos, foi apresentada à
           Justiça, pela procuradoria Regional da União da 3.ª Região (PRU3).
           
           Na defesa, a PRU3 mencionou precedente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ)
           e contra-argumentou que os símbolos já pertencem à cultura e à tradição
           brasileira. Sustentou, ainda, que a exposição desses crucifixos e objetos em
           prédios públicos não torna o Brasil um Estado clerical, devendo ser respeitada
           a religiosidade dos indivíduos.

           O Juízo da 7.ª Vara Federal acolheu os argumentos e indeferiu a liminar,
           mantendo as imagens nas repartições públicas. De acordo com a decisão, a
           laicidade do Estado "não se pode expressar na eliminação dos símbolos
           religiosos, mas na tolerância aos mesmos". O Juízo observou, ainda, que
           "em um país que teve a formação histórico-cultural cristã é natural a presença
           de símbolos religiosos em espaços públicos, sem qualquer ofensa à liberdade
           de crença".
           

Mas, ainda que a questão tenha sido resolvida, os profetas de catástrofes continuaram enviando seus e-mails em lotes para as pessoas. Em um destes SPAM trouxe esta mensagem. Interessante por sinal. Leia:

             “Sou Padre católico e concordo plenamente com o Ministério Público de São Paulo,
             por querer retirar os símbolos religiosos das repartições públicas… 
             Nosso Estado é laico e não deve favorecer esta ou aquela religião. A Cruz deve ser
             retirada! Aliás, nunca gostei de ver a Cruz em Tribunais, onde os pobres têm menos
             direitos que os ricos e onde sentenças são barganhadas, vendidas e compradas.
             Não quero mais ver a Cruz nas Câmaras legislativas, onde a corrupção é a moeda mais
             forte. Não quero ver, também, a Cruz em delegacias, cadeias e quartéis, onde os pequenos
             são constrangidos e torturados. Não quero ver, muito menos, a Cruz em prontos-socorros
             e hospitais, onde pessoas pobres morrem sem atendimento. É preciso retirar a
             Cruz das repartições públicas, porqueCristo não abençoa a sórdida política brasileira,
             causa das desgraças, das misérias e sofrimentos dos pequenos, dos pobres e dos
             menos favorecidos”.

             a) Frade Demetrius dos Santos Silva * São Paulo/SP

Com o fim da polêmica, basta de SPAM.


Nossa opinião sobre o caso? São Paulo (e porque não dizer o País) tem necessidades urgentes em muitas frentes de trabalho para ficar se importando com detalhes ou questões menores. Quando o Estado começa a dar importância demais aos detalhes de símbolos e dogmas religiosos, todos perdem muito com isso. Acreditamos que o que menos importa é a denominação do devoto, antes estão os exemplos que ele pode e deve dar de tudo o que acredita como elementos de salvação deixados por seus VERDADEIROS líderes. E, neste mister, Jesus de Nazaré foi o melhor exemplo.

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

ANIVERSARIANTES DE AGOSTO


No último domingo do mês de agosto, 28 de agosto, 
estaremos comemorando todos os aniversariantes do mês:

02 - Alexandre Souza de Oliveira (Coquinho)
11 - Alcenira Santiago de Oliveira (Alcenira)
15 - Maria Elina Tôrres Carvalho (Elina Carvalho)
16 - Paulo Afonso Simão Epifânio (Paulinho)
17 - Edinéia dos Santos Araújo

Hoje em especial desejamos FELIZ ANIVERSÁRIO a nossa querida Alcenira! 
Obrigada pela sua fiel amizade! Que possamos estar sempre juntos, cada vez mais!
Obrigada pela sua dedicação à FUJ! Hoje a nossa homenagem é para você!

De todos os fraternos da FUJ.








Lista dos aniversariantes de JAN a JUL de 2011 - ATUALIZADA

 



A cada domingo, novas fichas vão sendo preenchidas, seja lá de novos fraternos, ou de fraternos que estão retornando às reuniões, por isso estaremos sempre atualizando todas as listas dos aniversariantes do mês.

Sendo que, de janeiro a julho, foi comemorado todos esses aniversários no último domingo de julho de 2011.
A partir de agora,  faremos de mês em mês até que possamos findar este ano.



JANEIRO
02 - Jucineide Carvalho de Souza
09 - Aldener Lima de Oliveira
11 - Elione Oliveira da Silva
19 - Lucas Mesquita Rage (criança)
25 - Marcilene de Oliveira Mesquita de Matos
29 - Francisco Sales Torres (Padre)

FEVEREIRO
14 - Lucivan da Silva Souza
17 - Weedsnayha Dias Torres
18 - Dib Barbosa Filho
23 - Lilian Carolene de Melo

MARÇO
04 - Cleudemberg Costa dos Santos
05 - Erivan O. Passos
06 - Carlos Adonai Chacon Vásquez
08 - Luciana de Souza Batista
10 - Raimunda C. Maciel
12 - Tábatha Mesquita Matos
13 - Viviane Martins Amorim de Freitas
        Maria das Dores Moura Oliveira
14 - Conceição Santos da Silva

ABRIL
10 - Perciliano Raje Neto
12 - Edistone da Silva Carvalho
19 - Rommel Filgueiras Rodrigues Segundo

MAIO
05 - Francisca de Oliveira Mesquita
08 - Valdisa Costa dos Santos
09 - Carlos Eduardo de Freitas
17 - Ricardo Eugênio Cunha Moreira de Moraes
20 - Ana Joelma Conceição da Silva
24 - Pedro Henrique Silva de Oliveira (criança)

JUNHO
02 - Janaina Tathiane Carvalho de Souza
16 - Maria Alice Araujo Marinho
24 - Aldenor Paulo de Oliveira
        João Ricardo M. Nascimento
26 - Eline Benfica Alves
31 - Sharima Thaís da Silva Ferreira

JULHO
09 - Wendell Pantoja Tapajós
14 - Sérgio da Silva Calderaro
19 - Aryane Oliveira de Almeida
21 - Liry Anne Cunha Moreira de Menezes
31 - Ediolene Pantoja Tapajós

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Dia dos Pais


Neste domingo, 14/AGO, estaremos nos reunindo, a partir das 9h, em nossa sede provisória, ao lado do terreno da FUJ (onde as obras da sede própria já começaram) para o encontro dominical da FUJ e, após a reunião, realizaremos mais uma CONFRATERNIDADE, desta vez para homenagear os pais (vivos e desencarnados). Contamos com a presença de todos.

conFRATERNIDADE? O que é isso?

O dicionário nos oferece uma breve, porém definitiva explicação para a palavra CONFRATERNIDADE: "s.f. Boas relações entre confrades. Amizade como a de irmãos".

Nossa Diretoria percebeu que esta seria a maneira de identificarmos os nossos eventos. Assim nasceu a primeira CONFRATERNIDADE destes novos tempos da FUJ. E, daí, adotamos para as demais.

Novamente recorremos ao dicionário para referendar a decisão da Diretoria em definir CONFRATERNIDADE como a forma de identificar eventos diferentes de nossos objetivos fins. Portanto, nos apropriando da explicação inicial, vamos enriquecer um pouco mais a mesma destacando a palavra CONFRADES, ou seja, "s.m. Companheiros, colegas, camaradas, sócios. Cada um dos membros de uma sociedade religiosa, literária etc.".

Como você pode ver, tudo parece combinar, e combina.

Nada melhor do que ter os confrades COM FRATERNIDADE em seus eventos. Foi assim que a Diretoria também desenvolveu a logomarca padrão desses eventos, modificando apenas uma pequena área com a data e o evento propriamente dito.

Você é nosso convidado para o CONFRATERNIDADE da semana que vem, 14/Ago, quando estaremos homenageando os nossos fraternos pais, vivos e desencarnados, em mais um evento social de nossa Comunidade Espiritualista. Seja bem-vinda, bondosa alma!

domingo, 7 de agosto de 2011

Relato de um Sobrevivente do Voo 1549 US Airways - dublado


NOSSA PREPARAÇÃO PARA O DIA DOS PAIS
(O vídeo desta postagem é a nossa mensagem de preparação para o Dia dos Pais, 14/AGO, próximo.)

Em 15 de janeiro de 2009, o Voo comercial 1549 da US Airways iria de Nova Iorque para Charlotte, na Carolina do Norte, quando caiu no rio Hudson, nas adjacências de Manhattan, aproximadamente seis minutos após ter decolado do Aeroporto de LaGuardia. Enquanto ganhava altitude, o Airbus A320 colidiu com um grupo de gansos-do-canadá ocasionando perda de potência em ambas as turbinas da aeronave. Verificando que o avião não atingiria a posição necessária a nordeste da ponte George Washington e que não havia nenhum campo para um pouso forçado, o Comandante (de acordo com a tripulação) conduziu a aeronave para sul e restabeleceu seu curso, desta vez definitivamente para o rio Hudson “onde pousou sua aeronave virtualmente intacta perto do Intrepid Sea-Air-Space Museum, no centro de Manhattan”, como descreveu um repórter.

Imediatamente ao pouso, os 155 passageiros da “nau” parcialmente submersa foram resgatados por diversas embarcações que estavam próximas.

Toda a tripulação do Voo 1549 foi mais tarde condecorada com a Medalha de Mestre da Guild of Air Pilots and Air Navigators. No momento da entrega das medalhas, foi dito que "..este pouso de emergência e a evacuação da aeronave, sem a perda de nenhuma vida humana, é uma conquista heróica e única da aviação". Enfim, um momento para entrar para a história da aviação comercial. Ric Elias era um dos 155 passageiros deste Voo, estava na 1D, primeira cadeira da primeira fila, e o seu relato emocionante é o material que oferecemos para os nossos fraternos como preparação para o Dia dos Pais deste ano. Como temos adeptos com dificuldades para ler as legendas, nosso presidente dublou Ric Elias. Esperamos que gostem e meditem sobre a pergunta final de Ric para a plateia.

terça-feira, 2 de agosto de 2011

COMO O CARVALHO

Texto enviado pela fraterna Janaína:


Como o carvalho


Todas as vezes que nos deparamos com problemas em nossa vida, observamos o quanto somos frágeis.

As alegrias se vão e só fica a verdade de que somos impotentes para lidar com adversidades que surgem no decorrer de nossa existência.

Deus nos deixa lições interessantes em sua criação para nos mostrar o contrário, que o homem foi criado forte e que essa força é sempre adquirida e absorvida dessas situações adversas.

Você conhece uma árvore chamada CARVALHO? 

Pois é, essa árvore é usada pelos botânicos e geólogos como um medidor de catástrofes naturais do ambiente. 

Quando querem saber o índice de temporais e tempestades ocorridas numa determinada floresta, eles observam logo o carvalho (existindo no local, é claro), que naturalmente é a árvore que mais absorve as conseqüências de temporais. 

Quanto mais temporais e tempestades o carvalho enfrenta, mais forte ele fica! 

Suas raízes naturalmente se aprofundam mais na terra e seu caule se torna mais robusto, sendo impossível uma tempestade arrancá-lo do solo ou derrubá-lo! 

Mas não pense que os cientistas precisam fazer essas análises todas para saber isso! Basta apenas eles olharem para o carvalho. 

Por absorver as conseqüências das tempestades, a robusta árvore assume uma aparência disforme, como se realmente tivesse feito muita força. 

Muitas vezes uma aparência triste! 

Cada tempestade para um carvalho é mais um desafio a ser vencido e não uma ameaça! 

Numa grande tempestade, muitas árvores são arrancadas, mas o carvalho permanece firme! 

Assim somos nós. 

Devemos tirar proveito das situações contrárias à nossa vida e ficar mais fortes!

Um pouco marcados. Muitas vezes com aparência abatida, mas fortes!!!

Com raízes bem firmes e profundas na terra! 

Podemos, com isso, compreender o que o nosso PAI maravilhoso quis nos ensinar, quando disse que podemos todas as coisas naquele que nos fortalece. 

E também a confiança do rei Davi quando cantou: 

_"Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte eu não temerei mal algum, porque TÚ estás comigo..." 

Por isso quando olhar pela janela o lindo alvorecer, lembre-se de que não há temor com os infortúnios da dia, porque DEUS está consigo! 

Ele o protegerá 

Se você está passando por lutas muito grandes por estes dias, pense que (como o carvalho)...é só mais uma tempestade que o tornará mais forte, segundo aquele que nos arregimentou!

Saúde, Paz, Amor e Muito Sucesso! 

Autor desconhecido